Você está em: Home Icon Home Acessa Notícias Icon Noticia Acessa Notícia

Notícia

Setembro Amarelo – Mês de Prevenção ao Suicídio

Data de Publicação: 27/09/2019

Icone acessibilidade Fonte Reset Icone acessibilidade Fonte Maior Icone acessibilidade Fonte Menor

No dia 26 de setembro do corrente ano, foi desenvolvida uma atividade relativa ao Setembro Amarelo com os estudantes do 9° ano e Ensino Médio, da Escola Estadual São José do Município de Ponte Preta. A atividade foi uma etapa do Projeto Saúde Mental na Escola, que está sendo desenvolvido pelas psicólogas Kristine Cavazzola e Maiara Fassicollo. Neste dia foi realizado o pedágio interativo. Onde os adolescentes confeccionaram um coração com frases motivacionais pensadas por eles mesmos.

Primeiramente se encontraram na escola e após dirigiram-se para a frente da prefeitura. Assim, dividiram-se entre eles para abordarem pessoas e visitarem estabelecimentos comerciais e públicos do município, com o intuito de entregar o coração com a frase, um pacotinho de sementes de girassol e panfletos com informações sobre depressão, ansiedade, tristeza e prevenção ao suicídio.

Porque corações amarelos com frases motivacionais? Amarelos pelo mês de prevenção ao suicídio “Setembro Amarelo” e frases de valorização da vida, motivando as pessoas a seguirem em frente, a viver, frases de autoestima. Sementes de girassóis, porque o girassol busca energia no sol e em dias nublados se voltam um para o outro para dividirem entre si suas energias; assim, quando não estamos bem, temos que buscar uns aos outros (família, amigos, profissionais que possam ajudar em momentos difíceis) fazendo uma alusão a este elemento da natureza. E panfletos informativos para as pessoas entrarem em contato ou diferenciarem alguns aspectos da vida procurando ajuda da equipe de saúde e assistência social do município.

Porque adolescentes? Porque eles podem ser os protagonistas de suas vidas, buscando ajuda, falando, percebendo que não estão sozinhos e que terão com quem contar. Este trabalho visa valorizar a vida e desenvolver uma perspectiva de futuro entre estes adolescentes, para que tenham motivação e força para alcançarem seus sonhos.

Por Maiara Fassicollo e Kristine Cavazzola